• Gastronomia típica romana: pasta alla gricia e vinho tinto Merlot Lazio

      Com o objetivo de incentivar a gastronomia e a bebida típica dos países onde moramos, decidimos promover uma iniciativa através de uma blogagem coletiva. Trata-se de 6 blogueiras com residência no exterior que irão publicar um artigo a cada sexta-feira sobre a gastronomia e bebida típica local. Confira!

      A culinária romana é baseada em ingredientes da roça, de origem animal e vegetal, muito simples e humildes.

      Brócolis, chicória, alcachofra, grão de bico, feijão, aliche, bacalhau, cordeiro, vitello, guanciale (bochecha de porco, tipo bacon), vísceras de carne bovina e ovina são alguns dos ingredientes que não faltam nas mesas das famílias romanas.

      O primo piatto (primeiro prato = massa, arroz) é o preferido pelos romanos e pode ser feito de inúmeras formas.

      O meu preferido é a pasta alla gricia acompanhado de um bom vinho tinto da região do Lazio. Então, ecco a voi!


      Photo credit: Coso

      Existem várias hipóteses de como surgiu a pasta alla gricia, a que eu mais gosto diz que ela foi a antecessora da amatriciana (ou matriciana) antes que o tomate tivesse sido importado para a Europa.

      Conta-se que o prato foi inventado pelos pastores de ovelhas de Amatrice, uma pequena cidade da região do Lazio que se encontra na divisa com a região do Abruzzo.

      Eles levavam em seus sacos todos os dias pedaços de pecorino (queijo feito com leite de ovelha), pimenta-do-reino, macarrão seco, guanciale (bochecha de porco, tipo bacon) e banha e com estes ingredientes cozinhavam o que viria a se chamar la gricia.

      Era a principal refeição da maioria dos pastores.

      Receita para 4 pessoas


      Ingredientes


      400 gr. de macarrão (rigatoni, spaghetti, bucatini ou tonnarelli)
      250 gr. de guanciale (bochecha de porco, tipo bacon)
      50 gr. de pecorino romano (queijo feito com leite de ovelha)
      Sal
      Pimenta-do-reino

      Modo de fazer


      Coloque bastante água para ferver e quando estiver fervendo coloque sal a gosto (não coloque muito sal porque o guanciale e o queijo pecorino já são bem salgados). Deixe-a fervendo.

      Prepare o guanciale tirando o seu couro e, depois, corte-o em tirinhas não muito finas. Frite o guanciale numa frigideira antiaderente em fogo médio/baixo até que a sua gordura comece a derreter e a ficar transparente formando um molhinho.

      Neste momento, coloque o macarrão para cozinhar na água fervente.

      Enquanto isso, moa bastante pimenta preta em cima do guanciale e adicione um pouquinho da água de cozimento do macarrão para aumentar o caldinho com o guanciale.

      Escorra o macarrão (guarde um pouco da água de cozimento) e misture-o com o guanciale na frigideira em fogo alto adicionando, se necessário, um pouco de água de cozimento.

      Faça os pratos e jogue muito queijo pecorino ralado em cima.



      Para acompanhar a pasta alla gricia sugiro um vinho tinto Merlot Lazio IGT da cantina Il Casale del Giglio, produzido na província de Latina.

      O Merlot, originário de Bordeaux (França), foi introduzido no Agro Pontino (província de Latina) nos anos 30 por colonos vênetos.

      A sua cor é um vermelho ruby intenso com perfume de pequenas frutas vermelhas e de cereja, com típicas sensações herbáceas.

      Buon appetito!

      Confira as demais participantes desta blogagem coletiva e suas deliciosas receitas:

      Damares - Keviagem
      Mariana - Buenos Aires, queridos.
      Jamile - Viver Uruguay
      Gabrielle - Minha Turquia
      Virna - Uma brasileira na Grécia
      Comments 2 Comments
      1. Avatar de patyveludo
        patyveludo -
        Olá, sou nova aqui e tenho adorado todas as dicas encontradas no site....Em Janeiro irei fazer uma viagem a Roma, Florença e Pisa, mas confesso que estou com algum receio. Estou grávida e é a primeira vez que viajo nestas condições. Existe alguns tipos de cuidados aconselhados para a viagem a estes locais para quem vai nas minhas condições? Obrigado. Patrícia Veludo
      1. Avatar de danifurlan
        danifurlan -
        Oi, Patrícia! Que bom que está gostando do Dicas de Roma Bom, eu quando estava grávida, por exemplo, não comia salada, frutas e carne de porco fora de casa (só em casa porque lavava bem as frutas e verduras e cozinhava bem a carne de porco), peixe cru também nem pensar, presunto cru a médica deixava porque é stagionato (envelhecido), mas eu evitava. Salames e etc. e carnes mal passadas tb não comia. Bebidas alcólicas tb não bebia nenhuma gota. Ah, banhos de banheira tb não fazia porque a temperatura alta da água pode deformar o feto. Enfim, são os mesmos cuidados que vc teria no Brasil... Se eu me lembrar de mais alguma coisa depois escrevo... Abs!