• Diário de viagem em Roma com bebê por Cláudia

      Olá a todos! Quero passar um pouquinho da experiência que tive nesta bela cidade que é Roma... Vou tentar resumir, mas eu sou péssima nisso porque adoro detalhes... rsrs

      Tentei fazer um roteiro que planejei anteriormente, porém eu tive um contratempo e acabei perdendo o vôo, tive que pagar multa e embarcamos no vôo seguinte, isso atrapalhou um pouco nossa viagem, mas nada me impediu de conhecer tudo que eu queria.

      Só ficou para trás as Termas de Caracalla, mas tb não estava com tanta vontade de ir pois ficava um pouco contramão para nós.

      Ficamos no Hotel Regina Giovanna que fica bem pertinho da estação República, muito bom em relação custo/benefício e privacidade/conforto.


      Photo credit: Duncan Rawlinson

      Olha, viajar com bebê não foi fácil, mas aproveitamos muito, nos metrôs achamos que todos teriam um elevador, mas nos enganamos e levar um bebê de 7 meses e meio e 10kg no colo é impossível, pois tudo lá é muito grande!!!

      Tínhamos que subir com bebê e carrinho nos braços, sem contar as bugigangas que um bebê leva atrás, fraldinha, água quente, leite, etc... rs

      Pensamos em usar o táxi, porém muitas ruas são contramão e eles são obrigados a dar uma volta enorme, cobrando quase sempre 10 euros, por exemplo, para ir da estação Repubblica a Termini (do lado).

      O metrô é uma ótima opção pois deixava a gente praticamente na porta de nosso roteiro além de ser muito fácil de ser compreendido.

      Bom, voltando ao início, chegamos com quase 4 horas de atraso em Roma, e o dia estava praticamente perdido por ter sido um pouco cansativo.

      Então resolvemos chegar ao hotel e descansar um pouco, depois fomos em direção a Fontana di Trevi para vê-la a noite, e de lá pegamos o metrô e paramos no Coliseu de noite.

      Queria ver esses dois lugares de noite pois além de serem maravilhosos, mudam completamente o clima na fase do dia/noite.

      Ameiii... depois fomos jantar (muito boa a massa ) e voltamos ao hotel para descansar e nos preparar para o sábado que seria no Vaticano.

      No sábado passamos um dia enorme no Vaticano. Pensei que andando tudo aquilo lá dentro dos museus iríamos sair dentro da Basílica, mas saímos onde entramos.

      Perguntei no balcão de informações e me disseram que realmente eu teria que sair, dando a volta para chegar na basilica di San Pietro.

      No meu caso não foi muito proveitoso reservar online, pois eu percebi que como eu estava com o bebê eu passaria na frente de qualquer jeito!

      O segurança pediu o voucher para todos, mas quando viu nós com o bebê nem quis ver, outra moça com bebê também passou sem mostrar nada.

      Fomos à basílica e só não subi a cúpula porque já estava cansada. Também encontrei umas brasileiras, para quem pedi informações, e elas me disseram que o que tem lá em cima é apenas a vista de Roma, aí pensei, se eu subir vou me cansar e não vou conseguir chegar ao Castel Sant'Angelo (é que com o bebê cansamos mais).

      A basílica é enoooome e andamos tudo por lá.

      Dica: carrinho de bebê não entra, por isso é aconselhável para bebês de colo as mamães levarem um canguru-marsúpio para carregar o bebê.
      Da basílica fomos em direção ao Castel Sant'Angelo (lindoooo), onde também não é permitido a entrada de carrinhos, foi super útil o canguru novamente, e lá no topo tivemos uma visão incrível de Roma, compensou economizar energia.

      De lá voltamos para o hotel pois estávamos acabados!! Não conseguia mais pisar no chão... rs Então, dá pra imaginar o quanto andamos... rs

      No domingo fizemos o roteiro do primeiro dia junto com o roteiro do terceiro dia, retirando da lista apenas a Bocca della Verità e Termas di Caracalla, foi muito puxado, mas enfim percebi que de um lugar você chega ao outro facilmente, é só seguir o fluxo de turistas... rsrs

      Foi tudo muito fácil, com as dicas que obtive da Dani e muitas informações que tivemos aqui nos tópicos do fórum, junto com muita pesquisa que fiz, levei até mapas do Google caso me faltasse a net. rsrs

      Mas, no final do dia estávamos derrotados, mesmo assim ainda tivemos pique de fazer umas comprinhas, jantamos e eu estava inconformada que não tínhamos ido na Bocca della Verità pois quando eu morava no Japão eu frequentava um restaurante italiano que tinha uma réplica da bocca na porta...

      Então, decidimos que antes do check-out do hotel acordaríamos cedinho e íamos lá. Claro que eu não ia perder a foto da minha mão sendo decepada na Bocca della Verità, brincadeira...rs

      Foi uma correria, mas deu tudo certo!!

      Passeio muito bom feito, fotos tiradas, tudo correu muito bem então era já hora de voltar para casa...

      Demorei um pouco para postar pois estava morando em Portugal, fiz minha viagem dia 5/4 a 8/4 e mudei para o Brasil no dia 11/4, então foi praticamente uma viagem muito próxima a outra e estou até agora tentando me organizar.

      Mas assim como a Dani me ajudou muito, estarei sempre passando por aqui, sempre que der tempo para ajudar outras pessoas também.

      Outras dicas que foram valiosas para mim

      (principalmente para quem vai com um bebê)

      1- transporte do aeroporto de Fiumicino a Términi - comprei passagem de ida e volta do Leonardo Express (o atendente fala mto bem espanhol. Você pode comprar o de ida e volta para facilitar pois, ele serve para qualquer horário da sua volta

      2- Chegando em Términi compramos o Roma Pass - esse foi muito útil pois, além de entrar em 2 monumentos (usamos no Coliseu e no Castelo Sant'Angelo), para quem vai utilizar o metrô ou algum transporte público para locomoção, acaba sendo muito vantajoso!!!

      3- No Coliseu há elevador por isso é tranquilo, lá dentro tem uns degraus, mas são poucos.

      4- Palatino e Foro Romano é muito difícil a locomoção de carrinho de bebê por ser chão com areia, às vezes barro, mato, pedras... é praticamente um jardim, mas passa-se por lugares maravilhosos, acaba compensando o sofrimento. rs

      5- Monumento/ Mercado Trajano/ Piazza Venezia é tudo praticamente do lado da primeira saída do Foro Romano (só que essa saída é meia escondida, foi um pouco difícil encontrar porque é muita paisagem num lugar só. rs)

      6- Fontana di Trevi e Coliseu há uns vendedores ambulantes muito do persistente, na Fontana di Trevi eles oferecem para tirar fotos mas, tinha lido em um site que depois cobram por isso (sacanagem porque quando pedem para tirar a sua foto, nem avisam e depois você acaba pagando).

      Mas, claro que eu fui prevenida, e no Coliseu tem uns que insistem até o último para você comprar umas coisas luminosas (isso mais a noite) esse acabei comprando, mas também porque achei bonito, o problema desses é só a insistência!!!

      7- Entre a basílica de San Pietro e o Castelo Sant'Angelo paramos para um fast food, mas atenção, os preços para quem senta é bem diferente de quem pega e sai andando. rsrs

      Por exemplo, o sanduíche iríamos pagar 4,5euros se sentássemos, mas aí ele me perguntou se eu iria sentar ou não, aí eu perguntei o porque da pergunta, e logo ele me disse que se não sentar esse mesmo sanduíche sairia por 3euros cada...

      Só considerei isso uma coisa ruim pois ele não nos avisa, se não tivesse perguntado, jamais saberia.

      Se eu recordar de mais alguma coisa importante eu volto a postar, mas se tiverem alguma dúvida que eu possa ajudar estarei disponível!!

      Quero agradecer em especial a Dani por ser essa pessoa extremamente simpática e humana, ajudar as pessoas não é uma tarefa para qualquer um e ela o faz com grande simplicidade!

      Obrigada, você ajudou a minha viagem se tornar ainda melhor que eu esperava com super dicas ♥ Bjsss
      Comments 3 Comments
      1. Avatar de brasilnaitalia
        brasilnaitalia -
        Nossa, eu passei pela mesma coisa!!! Achei que todas as estações de metrô tivessem no mínimo um elevador. Nos museus, sem carrinho também foi super cansativo. Sei que Roma foi uma das cidades mais cansativas para viajar com minha bebê, mas de qualquer modo Roma vale sempre a pena. Aliás, contei a minha aventura online também, olha aqui: Roma com bebê: dicas para a viagem perfeita

        Abraços e boas viagens!
      1. Avatar de diosemamede
        diosemamede -
        Cláudia, adorei suas dicas. Estou visitando o site da Dani há alguns dias, pois estou planejando minha tão sonhada viagem para Roma para Maio do ano que vem. Estava em dúvida em levar ou não os filhotes, Tato com 5 anos e Thor com 1 ano, depois de ler seu post e saber da proibição do carrinho em alguns lugares, estou desistindo da ideia de leva-los comigo. Adorei suas dicas. Principalmente em relação aos cuidados com ambulantes e diferença no preço com alimentação quando sentamos ou não sentamos, rsrsrs, que coisa isso.
      1. Avatar de Erica nascimento
        Erica nascimento -
        Claudia adorei suas dicas! Estou pensando em viajar com minha bb de 7 meses e minha dúvida é o tal carrinho de bb. Tirando a proibição nos museus, vcs conseguiram andar bem com o carrinho nas ruas de Roma?
        E nos museus podemos deixar o carrinho " estacionado" em algum lugar?