• Passeio pela Via Appia Antica

      Finalmente fui passear pela Via Appia Antica no Parco Regionale dell’Appia Antica.



      A Via Appia Antica (Via Appia Antiga) foi construída em 312 a.C. por Appio Claudio Cieco, importante político Romano, e ligava Roma a Brindisi na Puglia, o principal porto na época que ligava Roma à Grécia. Ela é também conhecida como regina viarum, ou seja, a rainha das estradas.

      No século XVIII, foi construída a Via Appia Nuova (Via Appia Nova) paralela àquela antiga.

      O Parque Regional da Appia Antiga compreende 3400 hectáres pertencentes às cidades de Roma, Ciampino e Marino e foi instituído em 1988 pela Região do Lázio.

      O parque è uma junção de alguns parques menores, como o Parque da Caffarella e o Parque dos Aquedutos que circundam a Via Appia Antica.



      Originalmente a Via Appia começava nas Termas de Caracalla, mas hoje a parte antiga começa na Porta de San Sebastiano. Dalí, percorrendo a Via Appia estão as Catacumbas de San Calisto, as catacumbas de San Sebastiano e o Mausoleo de Romulo, entre os mais de 40 monumentos.

      O passeio é muito agradável, é um modo de passar um dia no campo dentro da cidade.

      No início da Via você pode alugar uma bicicleta (3 euros/hora ou 15 euros o dia inteiro), foi o que eu fiz e vale muito a pena porque assim é possível percorrer os mais de 10 km de modo bastante divertido, para os mais “radicais” existem até algumas trilhas no caminho.

      Mas prepare-se para agumas dores “pós bicicleta nos san pietrini (paralelepípedos) antigos” hehe. Ao longo da via existem alguns restaurantes e cafés, ou ainda você pode parar para fazer um belo piquenique.



      Nos parques existem desde a possibilidade de passeios à cavalo, ou ainda aulas de equitação, até pequenos produtores onde é possível comprar queijo fresco, frios, geléias, etc.

      A única coisa é que é que você deve fazer uma coisa de cada vez, um dia Via Appia, um dia um parque, etc. são muito grandes e com muitas coisas pra ver!

      Foi uma tarde muito agradável em meio a natureza, ruínas romanas, campos com ovelhas, crianças alegres, cachorros livres... Um bom modo de relaxar do stress do caos da cidade! Vale a pena a visita!



      Como chegar

      Para ir até a Via Appia Antica, que é um pouco afastada do centro histórico, a melhor opção é pegar o ônibus 118, que faz o percurso que o antigo ArcheoBus fazia (o bom é que custa como uma passagem normal: 1,50 euro).

      Ele passa por: Villa dei Quintili, Mausoleo di Cecilia Metella, Complesso di Massenzio, Catacombe di San Sebastiano, Santa Domitilla e San Callisto, Chiesa del Domine Quo Vadis, Porta San Sebastiano, Terme di Caracalla, Fori Imperiali, Coliseu e Piazza Venezia.

      O ônibus 118 funciona todos os dias as 5h30 às 23h e das 6h à meia-noite nos feriados. Nos dias em que a via dei Fori Imperiali fica fechada ao trânsito de automóveis, ele termina o percurso na Piazza Venezia, deixando de passar nos pontos da via dei Fori Imperiali, do Colosseo, da via San Gregorio, da Porta Capena, da Valle delle Camene e da Porta Metronia.

      Ou, você pode pegar o metrô A, descer na estação San Giovanni e pegar o ônibus 218.

      Para os parques, ou para o “meio” da Via Appia é possível descer nas estações Furio Camillo, Colli Albani, Arco di Travertino, Lucio Sestio, Giulio Agricola, Subaugusta e Cinecittà.


      Visualizzazione ingrandita della mappa